3bits Recomenda 17.05.2016

Databending – Unindo o real e o virtual

Databending – Unindo o real e o virtual

Há quem diga que existe beleza no erro. No mundo digital isso tem nome: databending. O termo, derivado do processo circuit bending, diz respeito a manipulação de dados não tratados, influenciando a interpretação dos mesmos. Uma das formas mais utilizadas é manipular arquivos com um software de edição não compatível. Já imaginou o que acontece quando você abre uma imagem em um software de edição de texto? Isso causa um (d)efeito em sua estrutura, mudando a forma como é visto, se tornando algo que muitos consideram “glitch art”.

Essa forma de expressão artística se baseia nas imperfeições para mesclar camadas do mundo virtual com o mundo real, utilizando recursos como:

  • Reinterpretação: Quando arquivos de determinado formato são convertidos para um formato diferente.
  • Sonificação: Uma subcategoria onde arquivos que não possuem dados de áudio são convertidos e inseridos em arquivos de áudio.
  • Edição Incorreta: Arquivos de um formato são manipulados utilizando um software feito para a edição de arquivos com um formato diferente.
  • Erro forçado: Edição de um arquivo utilizando o erro intencional de um software.

Um dos aspectos mais interessantes dessa maneira de produzir imagens e sons é que justamente por fundir diferentes realidades, ela se torna algo sem limites. Um bom exemplo é o trabalho de artistas como Cory Arcangel, que utiliza ferramentas digitais para reinterpretar o mundo real, questionando nossa materialidade e percepção da realidade.

Você também pode ser capaz de criar arte derivada dos erros, com esses aplicativos:

Android

Glitchr

Glitch!

Glitch

iOs

Glitché

Databender

Glitch Lab

E não deixe de mostrar seus trabalhos pra gente nos comentários!

Fonte: Casa dos Textos e PontoEletronico

Gostou do Post ou quer compartilhar algo?

Mande um e-mail pra gente.